Angra e Paraty esperam arrecadar milhões com o IPTU

As cidades de Angra e Paraty esperam arrecadar juntas mais de R$ 65 milhões com o pagamento do  Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) em 2018. Em Paraty o vencimento da primeira parcela é nesta quarta-feira, 31. Como incentivo aos contribuintes aqueles que optarem pelo pagamento em cota única nesta data garantirão um desconto de 10%. Já em Angra, o primeiro vencimento será na sexta-feira, 2. A cota única também tem 10% de desconto.

Em Paraty neste ano, os moradores da Zona Rural e da região Costeira devem retirar o carnê nos Correios. Já os moradores da Zona Urbana já receberam o carnê em casa. Em ambos os casos, o contribuinte também pode acessar o boleto no site prefeituradeparaty.com.br em ‘serviços’ / ‘imposto’ /certidão”. É preciso ter em mãos o CPF/CNPJ do proprietário do imóvel, o código do contribuinte ou do imóvel ou ainda a inscrição imobiliária.

Aqueles que optarem pelo pagamento parcelado vão poder dividir o valor em doze vezes, com o vencimento da primeira parcela também em 31 de janeiro e as demais no último dia de cada mês. É importante observar essas datas para não pagar juros e multas. De acordo com o secretário de Finanças de Paraty, Leônidas Santana, são distribuí-dos cerca de 20 mil carnês do IPTU todos os anos. O imposto é uma das principais fontes de receita própria da cidade, com potencial de arrecadar quase R$ 8 milhões.

Já a prefeitura de Angra dos Reis espera arrecadar até R$ 58 milhões com o IPTU. Os dados são da secretaria de Finanças do município que, desde o início do ano, está entregando os carnês de cobrança. Este ano foram emitidos um pouco mais de 65 mil carnês e o contribuinte pode optar por duas formas de pagamento: quitar o valor à vista até o dia 2 de fevereiro, com 10% de desconto, ou parcelar em 10 vezes como primeiro vencimento também no segundo dia do próximo mês.

Os carnês lançados totalizam mais que o previsto de arrecadação. São R$ 86,4 milhões mas o muncípio sempre conta com uma taxa de inadimplência de 20%. R$ 32 milhões devem ser arrecadados já na cota única. Quem não recebeu o carnê até o dia 20 de janeiro pode retirar as guias através do site angra.rj.gov.br ou comparecer ao setor de Tributos Imobiliários, na praça Nilo Peçanha, nº 8, em frente ao prédio da prefeitura.

Siga-nos no Facebook

Publicado antes na edição 204 do jornal Tribuna Livre.

GOSTOU DESTE TEXTO?

Assine o jornal Tribuna Livre e receba em casa a nossa edição impressa. Clique aqui e saiba como.

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *